x Início Simulador de Financiamento Consórcio de Motos Seguro para Motos Fale Conosco

Financiamento Moto Honda - Simulador

por
moto - simulador de financiamento
Todo mundo que quer financiar uma moto Honda zero pensa em uma Honda. A história da empresa no Brasil teve início na década de 70, quando praticamente não existia mercado para motocicletas no País. Com a fundação da Honda Motor do Brasil, em 1971, cresceu a importação de motocicletas e, dois anos depois, a venda estava consolida, com produtos automotivos de grande expressão no mercado. Hoje existem muitas opções de financiamento de moto, e aqui no site você pode simular quanto vai pagar nas prestações do seu financiamento Honda.

A Honda dispõe de vários modelos de motos, então antes de tudo você deve saber qual é a mais adequada para seu perfil, inclusive de investimento.

Por isto muitos recorrem ao financiamento de moto através de bancos ou pelo banco da fabricante de motos. No site do Banco Honda é possível fazer uma simulação de financiamento. As motos mais vendidas no Brasil são da Honda. Para cada 10 motos vendidas no Brasil 8 são da Honda.
simulador honda biz

Motos da Honda para Financiar

Os modelos de moto da Honda mais financiados são Honda CG 160 Titan, Honda Biz 100 e a Honda Bros 160. Se você está pensando em comprar uma moto Honda financiada, está no lugar certo. Aqui no site temos vários artigos sobre o financiamento destas motos Honda. Esta é a chance para você comprar uma moto nova e sair por aí trabalhando ou passeando!

No site do Banco Honda existe um Simulador de Consórcio. Você pode visualizar a simulação com base em alguns planos de financiamento da Honda. Um se chama Plano Super Legal e o outro Plano Mega Fácil. Você pode optar pelos planos de 12 vezes ou até no máximo 72 parcelas para financiar moto. O site é ruim de navegar para quem busca informações sobre como financiar uma moto Honda, por isso fizemos algumas simulações de financiamento que exporemos a seguir.

Simulamos a aquisição de três modelos: CG 160 Titan EX, NXR Bros 160 e Honda Biz 100. Dividimos em até 72 prestações, parcelas que cabem no bolso, fácil, fácil!

Simulação de Financiamento Banco Honda

2018 Honda NXR Bros 160    
72 meses R$ 196,02  
60 meses R$ 230,54   
36 meses R$ 191,83

2018 Honda Biz 100                     
72 meses R$ 120,90   
60 meses R$ 142,20   
36 meses R$ 227,60 

2018 Honda CG 160 Titan
72 meses R$ 159,72
60 meses R$ 187,85
36 meses R$ 300,96

Lembre-sequanto menor o número de parcelas, menores os juros que você vai pagar no longo prazo, e isso faz uma boa diferença, pense bastante nisso!
financiar honda bros

Vale a pena financiar a moto com uma financeira?

Se você precisar utilizar a moto nova para trabalho, a resposta é sim, já que ela será sua fonte de renda. De maneira geral, ao pegar dinheiro emprestado com financeira, você paga taxas de juros um pouco mais altas do que através de um banco ou consórcio, mas cada caso é um caso. Analise com calma e faça muitas contas antes de assinar o contrato, afinal, você ficará anos com essas contas para pagar.

Motos Honda: consórcio é melhor que financiamento?

Não existe melhor ou pior para todas as pessoas. Ambos os produtos tem uma finalidade, que é adquirir uma moto nova, mas para alguns indivíduos o financiamento, pelo fato de você já poder comprar a moto sem carência, é a melhor opção. Outros, por poderem esperar o sorteio do consórcio, preferem este tipo de compra. Para saber mais, veja este guia sobre consórcio que preparamos para você.

Se você quiser simular o financiamento de motos Honda do seu jeito, com suas próprias condições, não deixe de visualizar o simulador a seguir e visitar os links aqui do site, inclusive os que dão dicas de financiamentoFinanciarMoto.com.br, o melhor site para financiar uma moto Honda zero!
moto miniatura

Quanto vale minha moto?

por
quanto-vale-minha-moto
Olá meus amigos! Nesse mundo das duas rodas sempre conversamos muito, e uma pergunta muito comum que me fazem sempre que alguém quer financiar uma moto é: "Quero comprar uma moto nova. Quanto vale minha moto usada?". Bem, o valor de um veículo, seja uma moto nova ou usada, depende de vários fatores. Para chegar ao preço certo e justo, você deve considerar vários aspectos.

Tabela Fipe - Motos

Um dos índices mais utilizados para definir o valor de um carro ou moto é a Tabela Fipe. Ela é gerida pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, cujo objetivo principal é estabelecer um parâmetro de valores dos veículos comercializados no Brasil, sejam estes novos (zero km) ou usados. A Fipe é constantemente atualizada, e pode ser consultada diretamente no site, ou através dos apps para celulares Android e iOS. Basta inserir o fabricante (Honda, Yamaha, Dafra etc), modelo e ano de fabricação da moto em questão , para se ter o valor da tabela FIPE para o referido veículo.

Preço de Mercado

Como vimos acima, a FIPE é um indicador, mas o preço praticado de uma moto realmente é definido pelo mercado. Vejamos agora algumas características que afetam o valor de mercado de um veículo:

Oferta e Demanda

Não adianta anunciar uma moto Yamaha que na tabela FIPE vale R$ 8000, se não há procura por aquele modelo. Invariavelmente você terá que baixar o valor se quiser vender rápido, para alguém considerar aquela compra como uma oportunidade.

Mas o inverso também pode acontecer: uma moto Honda que teve poucas unidades comercializadas pode valer R$ 15.000 na FIPE, porém por ter poucas unidades no mercado, mais pessoas podem estar dispostas a compra-la por um valor maior que o de tabela, quase como se fosse um leilão.

Localização

A região onde está sendo vendida a moto também interfere no valor, e é intimamente relacionada à Oferta e Demanda. Uma Bros 160 é muito comum em uma grande capital como São Paulo, mas pode ser uma moto mais difícil de ser vista em uma cidadezinha do interior do Piauí. Fatores climáticos e infraestrutura do local também entram na equação: motos trail podem ser mais valorizadas em locais em que não haja asfalto.

Conservação

Parece óbvio, mas muita gente ainda acha que uma moto com carenagem arranhada pode ter o mesmo valor da tabela FIPE. Basta se colocar no lugar do comprador: você pagaria o valor de tabela em uma moto toda arranhada? É claro que não! Portanto, mantenha sua moto sempre conservada: além de trazer satisfação pessoal, isso pode ser um diferencial para a venda no futuro.

Cores

Muita gente tem preconceito com certos tipos de cores, sendo assim algumas motos com cores mais exóticas como amarelo ou rosa podem ser mais difíceis de serem vendidas pelo preço médio de tabela. Mas o inverso também acontece: uma Kawasaki verde certamente será mais valorizada que de outra cor, pelo histórico e marketing da marca.

Acessórios

Em menor grau, os acessórios podem interferir no valor de venda de uma motocicleta. São eles: rastreador, sensor de pressão de pneus, carregador USB etc... mas não compre acessórios pensando em agregar valor à venda da moto. De modo geral, o valor de compra dos acessórios acaba sendo maior do que o valor agregado durante a venda da moto. Acessórios servem para trazer satisfação pessoal ao motociclista, pense nisso!

Agora que você já sabe como definir o valor de venda de sua moto usada, aproveite para pesquisar em nosso site valores de financiamento para sua nova moto. FinanciarMoto, é mais moto!
moto miniatura

Capacete mais barato com isenção de impostos, confira!

por
Boa notícia, pessoal! O Senado Federal, que propõe as leis em nosso país, está com um projeto de lei para zerar os impostos de capacetes e outros equipamentos de proteção para motociclistas. O senador responsável pelo projeto é o Otto Alencar. O objetivo principal, além de ajudar a salvar vidas, é incentivar a compra de capacetes com valor reduzido, e assim reduzir o número de óbitos e internações em acidentes de motos, algo que custa muito dinheiro ao Estado: "Abrir mãos destes impostos pode beneficiar o país economicamente por reduzir a necessidade de internações em hospitais de alta complexidade, além de salvar muitas vidas em nossas ruas e estradas".
capacete-barato-isenção-imposto
Capacete mais barato com isenção de impostos

Capacete sem imposto resolve?

É claro que o uso do capacete é mais do que uma questão de educação e zelo pela vida, mas não deixa de ser uma ótima iniciativa para nós, já que poderemos comprar capacetes sem pagar impostos! Só a isenção de impostos não vai resolver o problema da educação, mas a longo prazo a tendência é de que todos usem o capacete, tanto por ficar mais barato como por uma questão de respeito à vida, própria e de terceiros.

O projeto ainda não virou lei, mas você pode acompanhar o andando nesta página do Senado, e inclusive pode votar a favor da criação da lei.

E você, o que achou desta excelente notícia? 😃

moto miniatura