Financiar Moto

Motos Clássicas: Honda CB 440 S

Financiamento moto Honda em até 80 parcelas com as melhores taxas. Simulador de financiamento de motos & consórcio para comprar moto 0km

por
Olá! Hoje daremos início a uma série de artigos que mostram a história de motocicletas antigas e clássicas que fizeram sucesso no Brasil.

E para começarmos nada melhor que uma moto muito especial da linha CB: a raríssima Honda CB 440 S. Na época muita gente duvidava da existência deste modelo exclusivo, mas sim, ela existiu, e vamos mostrar tudo que sabemos sobre ela.

classica-honda-cb-440-s-projeto-h
CB 440 S do Projeto H - rara e exclusiva

Honda CB 440 S - O Projeto

A CB 440 S não foi uma moto proveniente da linha de produção da Honda, mas sim um projeto totalmente personalizado desenvolvido no ínicio dos anos 1980 pela concessionária Honda Projeto H, situada na capital paulista.

E isso se deu devido a uma decisão do governo: desde 1976 a importação de motocicletas estava proibida, e restava aos consumidores apenas as opções da indústria nacional, que naquela época ainda não estava plenamente desenvolvida.

Eram poucas opções de motos 0km, mais ainda se tratando de motos de maior cilindrada. A moto mais potente a venda era a CB 400 de dois cilindros: tinha 40 cv a 9.500 rpm e 3,2 kgfm de torque a 8.000 rpm - ia de 0 a 100 km/h em cerca de 7 segundos e tinha a máxima de 160 km/h.

Partindo de uma CB 400, a concessionária Projeto H resolveu projetar uma variante mais potente e com um visual mais esportivo, e daí surgiu a única CB 440 S do mundo. É isso mesmo, a CB 440 foi um projeto 100% nacional, era vendida apenas aqui no Brasil, em 1983.

Honda CB 440 S - Motorização

A base para a montagem desse projeto foi uma CB 400 de 1983. Nela foi instalado um kit de pistões de maior medida - 5mm maior, o suficiente para elevar a cilindrada de 395cc para 447cc. Todas as peças foram importadas do Japão.

Novas bielas mais leves também foram instaladas. O cabeçote foi totalmente refeito, o que elevou a taxa de compressão para 9,8:1. Também foi incluído na CB440 um radiador de óleo para aguentar a pressão extra no motor.

Tudo isso aliado a novos giglês nos carburadores, fizeram a potência ter chegado a 46cv a 9.000 rpm e 3,8kgfm a 7.700 rpm. A aceleração de 0-100 caiu meio segundo e a máxima testada foi de 175km/h, um feito para a época.

Honda CB 440 S - Modificações na estrutura

Maior potência exige maior estabilidade. É por isso que o pessoal da Projeto H também mexeu nos amortecedores, que foram instalados com uma maior inclinação em relação ao novo braço oscilante, agora de alumínio.

A moto como um todo foi rebaixada, de modo a permitir uma maior estabilidade geral. O garfo na dianteira tinha regulagem pneumática, que poderia ser verificado através de um manômetro especial no quadro de instrumentos.

Discos de freios maiores também foram instalados (276mm), com sistema de duas pinças e dois pistões vindos da lendária CB 750.

Honda CB 440 S - Visual diferenciado

Além da potência, o visual precisava se diferenciar da CB 400 tradicional, afinal, os consumidores pagavam cerca de 50% a mais por esta CB 440 exclusiva. 

A cor vermelha predominava por toda a moto: chassis, rodas, molas, banco e tanque de combustível era vermelhos, e pequenos detalhes também não passavam despercebidos: os cabos de vela eram em um chamativo amarelo, mas de muito bom gosto. 

Além das cores, outras peças eram diferentes da CB de fábrica, como a rabeta, painel, laterais e paralamas: todas essas partes eram importadas da Honda 400 Hawk .

Honda CB 440 S - Ciclo de vida

Por ser um projeto inusitado e que vendeu bastante, a fábrica da Honda resolveu investir em uma CB de maior cilindrada: em 1984, apenas 1 ano após a CB 440 S ter estreado no mercado, foi lançada a Honda CB 450, que praticamente incorporou as melhorias realizadas pela equipe da Projeto H, o que pos um fim prematuro à CB 440 S. 

É inegável que o projeto de personalização foi espetacular e provou que o mercado precisava de motos melhores e mais potentes. Hoje o legado da CB 440 S fica na mão e na memória de pouquíssimas pessoas que tiveram acesso a este projeto tão especial.

Recentemente fãs do modelo começaram o trabalho de construção de uma réplica, você pode ver mais aqui neste link.

Honda CB 440 S - Fotos

classica-honda-cb-440-s-projeto-h



classica-honda-cb-440-s-projeto-h


classica-honda-cb-440-s-projeto-h


classica-honda-cb-440-s-projeto-h

Financiar Moto

Usando FGTS em Financiamento de Motos Caixa

Financiamento moto Honda em até 80 parcelas com as melhores taxas. Simulador de financiamento de motos & consórcio para comprar moto 0km

por
Muitas pessoas perguntam se podem usar o FGTS da Caixa para comprar moto. Antes de responder essa pergunta, precisamos entender do que estamos falando:
financiamento moto fgts
Podemos financiar uma moto usando o FGTS?

O que é o FGTS?

O FGTS - Fundo de Garantia do Tempo de Serviço - é um fundo bancário constituído de depósitos, sejam eles feitos em dinheiro, obrigatório, atrelado, que é feito pelo empregador para a conta de FGTS do trabalhador, a fim de criar uma espécie de poupança que poderá ser resgatada em qualquer uma das possibilidades previstas em lei. 

A cada ano, o FGTS equivale a um salário mensal, incidindo sobre ele juros e correção monetária. Ele é feito via Caixa Econômica Federal - CEF.

Posso usar FGTS para comprar moto?

Vejamos o que está previsto na Lei para saber se você pode comprar uma moto usando o FGTS da Caixa. Resumidamente, ele pode ser usado para: 

Demissões sem justa causa; Aposentadoria; Quando o trabalhador permanecer três anos ininterruptos a partir de 1º de junho de 1990, fora do regime do FGTS; Oferta de lance em consórcio de imóveis; Complementação da Carta de Crédito de Consórcio para aquisição de um imóvel de maior valor;  Amortização extraordinária ou liquidação de saldo devedor de consórcio de imóvel; Pagamento de parte das prestações de consórcio de imóvel.

Como podemos ver, nas modalidades acima previstas em lei o FGTS pode ser utilizado apenas para financiar imóveis.

O saque do FGTS foi autorizado. Posso comprar moto?

Conforme temos visto, o Governo tem autorizado o saque do FGTS para que a população possa quitar suas dívidas e para estimular o consumo.

Contudo, fica a critério de cada pessoa o que fazer com o dinheiro que sacou, portanto, sim, você pode comprar uma moto com o saque do FGTS.

Para financiar uma moto, procure seu banco para se informar sobre as melhores taxas, e veja também tudo que ensinamos em nosso simulador de financiamento de motos. Boa sorte!
Financiar Moto

Documentos para tirar uma moto financiada

Financiamento moto Honda em até 80 parcelas com as melhores taxas. Simulador de financiamento de motos & consórcio para comprar moto 0km

por
Está precisando financiar uma moto e está com dúvidas? Agora você vai aprender quais os documentos necessários para tirar uma moto financiada sem complicações. Confira!

Lista de Documentos para financiamento de moto:

documentação financiar moto
  • Cópia do seu RG (carteira de identidade) 
  • Cópia do seu CPF
  • Carteira de Trabalho - lembre-se, você precisa de pelo menos três meses de carteira assinada!
  • Comprovante de residência
Lembrando que apenas maiores de dezoito anos podem financiar uma moto, ok? Ex: se você completou 18 anos hoje, hoje mesmo você já pode comprar sua Honda!

Quais documentos são comprovantes de residência?

  • contas de água, luz ou telefone (celular ou fixo);
  • contrato de aluguel com firma reconhecida em cartório;
  • contracheque emitido por órgão público;
  • demonstrativos enviados pelo INSS ou SRF;
  • boleto de cobrança de plano de saúde, condomínio, financiamento ou mensalidade escolar;
  • fatura de cartão de crédito;
  • extrato do FGTS enviado pelo Caixa Econômica Federal;
  • carnê de cobrança de IPTU ou IPVA
  • registro de Licenciamento de veículos;
  • multa de trânsito; (que tristeza kkkkkkk)

Com essa documentação consigo financiar uma moto? 

Sim, consegue. Basicamente é isso. Claro que a Honda (ou o outro banco ou financeira) vai analisar seu nome para ver se você foi negativado ("nome sujo") e também verificar sua renda. Cabe sempre a regra de que a parcela tem que ser de no máximo 30% do valor do seu salário.

Assim, se você ganha R$ 1.200,00 na carteira, você pode tirar uma moto cuja parcela mensal seja de até R$ 400,00 - que seria suficiente para financiar uma CG Titan em apenas 36x. Saiba mais aqui no nosso comparador de financiamentos.

Quero tirar uma moto sem dar entrada, tem como?

Depende. Em algumas épocas do ano, devido a inflação, economia ruim etc, as concessionárias fazem feirões com entrada zero, o que facilita bastante. Mas no geral, é pedido um valor de entrada de 10% para tirar a moto financiada.

Se você não tiver o dinheiro, espere um pouco e guarde essa grana... mas se não quiser esperar, por exemplo, se precisar da moto para trabalhar, a melhor opção é pegar um empréstimo pessoal para o dinheiro da entrada, aí assim você pode financiar.

Outra opção sem entrada é o consórcio, mas aí você depende da sorte para ser sorteado e ter as mãos na sua moto.

Agora que você já tem mais informações, escolha o modelo de moto perfeito para você e tire sua nova moto financiada!
Financiar Moto

Nova Bros 2020 - fotos, preço e financiamento

Financiamento moto Honda em até 80 parcelas com as melhores taxas. Simulador de financiamento de motos & consórcio para comprar moto 0km

por
foto-nova-bros-2020
Esta é a nova Bros modelo 2020 - Imagem: reprodução
Um dos maiores sucessos no mercado de motocicletas financiadas do Brasil chegou a sua nova versão. Esta é a nova Honda NXR Bros 2020 de 160 cilindradas.

Como destaque das mudanças, a introdução de novos grafismos e novas cores, que dão uma revitalizada no projeto da Bros, a exemplo do que ocorreu com a nova Twister.

A moto continua com a mesma base do ano anterior, o que é uma notícia extremamente positiva, visto que a Bros sempre foi sucesso de críticas e vendas desde seu lançamento, e ainda mais com a inclusão do motor de 160 cilindradas.

Especula-se que a nova Bros terá um motor de 200cc. Se isso ocorrer, terá tudo para ser a líder do segmento. Mas vamos às novidades que temos hoje.

Detalhes da nova Bros 2020

A Bros, moto líder de vendas em seu segmento, chega na versão 2020 sem mudanças na parte estrutural ou de motorização: continua o bom motor monocilíndrico de 162,7 cm3, refrigerado a ar, de comando OHC apoiado em balancins roletados.

A potência máxima continua sendo de 14,7 cv a 8.500 rpm com torque máximo de 1,60 kgf.m a 5.500 rpm (ambos com etanol, com gasolina são 14,5 cv e 1,60 kgf.m, nas mesmas rotações).

Portanto, como novidades ficam as novas cores, que você pode ver abaixo nas fotos da nova Bros 2020. São as cores branca (acima), azul, laranja e vermelha. Você também pode ver outras fotos diretamente no site da Honda Bros.

Fotos da Bros 2020

Vejamos agora as fotos oficiais da Honda. Como de costume e cada vez mais tendência, as cores da Bros são fortes, chamativas, mas nem por isso deixam de ser bonitas. Inclusive, conferem um aspecto mais refinado em relação às demais concorrentes de outras marcas.

bros-2020-azul

A Bros 2020 azul se destacou, com um tom bastante profundo, e fica bastante requintada quando iluminada pelas luzes da cidade, oferecendo um tom de requinte na pintura.

bros-2020-laranja
Bros laranja ou abóbora leva a pensarmos em uma moto com pegada esportiva, sendo bastante chamativa quando o sol bate na sua pintura. Há quem não goste, eu particularmente acho linda!

bros-2020-vermelha

Já a Bros vermelha tem possui uma cor atemporal, digamos clássica, e é um sucesso de vendas. Se você se preocupa com a revenda da moto, na facilidade de vende-la no futuro, a cor vermelho é uma boa opção para os conservadores.

Preço da Bros 2020

Na linha atual, a Honda não alterou o preço da moto, sendo assim, hoje a Honda Bros continua com preço sugerido de R$ 12.250 na sua versão top de linha (ESDD), e de R$ 10.240 na versão de entrada.

Com a chegada da Bros 2020, especula-se que o valor terá um pequeno reajuste, mas nada demais, você poderá financiar a Bros com praticamente as mesmas condições de hoje.

Financiamento Bros 2020 

Usamos nosso simulador para obter o valor da parcela mensal que você teria que pagar no financiamento de uma moto Bros 160 2020. A taxa de juros usada no simulador foi de 1,5% (Banco Itaú), com uma entrada de 20% do valor da moto e pagamento em 48 meses. Confira os valores aproximados:

NXR Bros 160 2020 financiada: entrada de R$ 2.050,00 e 48 parcelas mensais de R$ 245,00
NXR Bros ESDD 160 2020 financiada: entrada de R$ 2.450,00 e 48 parcelas mensais de R$ 285,00

Bônus: a História da Honda

Até chegar à Bros 2020, houve muita evolução da Honda. Veja o vídeo abaixo e confira um pouco mais da história desta empresa fantástica:

video honda

Se você quiser aprender a financiar sua Bros 2020 sem ser enrolado, pagando o mínimo possível para o banco, confira nosso Guia Definitivo de Financiamento de Motos - é 100% gratuito.
Financiar Moto

Rodas de Liga Leve: vantagens e desvantagens desse acessório

Financiamento moto Honda em até 80 parcelas com as melhores taxas. Simulador de financiamento de motos & consórcio para comprar moto 0km

por
liga leve motos
Famosas entre os apaixonados por estilo e velocidade, as rodas de liga leve não são itens apenas para satisfazer um gosto estético. Fácil de encontrar em qualquer loja de acessórios para veículos, as rodas de liga leve possuem também algumas vantagens para o condutor.

Está pensando em instalar essas rodas na sua moto, mas ainda tem dúvidas se vale a pena? Confira o artigo de hoje as vantagens e desvantagens deste item!

O que são as rodas de liga leve?

As rodas de liga leve nada mais são do que rodas com um material mais leve que o aço. Elas são fabricadas a partir do alumínio e do silício, metais que dão mais resistência e leveza para a roda.

O alumínio é responsável pela leveza, enquanto o silício torna a peça resistente.

Essas rodas ficaram famosas no mercado automotivo graças ao seu material maleável, que permite criar vários modelos diferentes, agradando o gosto dos motoristas.

Quais as vantagens das rodas de liga leve?

O maior motivo que os pilotos buscam esse item é que ele dá à moto um visual de esportividade, porém as rodas de liga leve podem beneficiar a magrela de outras maneiras.

As principais vantagens da liga leve, estão:
  • As rodas são realmente mais leves, em torno de 15% menos peso;
  • As rodas melhoram a dirigibilidade, pois reduzem a inércia e facilitam a realização de manobras;
  • A liga leve é um material mais maleável que permite produzir vários modelos de roda, ou seja, elas têm mais opção de design do que as rodas de aço;
  • Esse item gera menos barulho durante a condução já que o material é leve;
  • Estes acessórios consomem pouco combustível, pois as rodas mais leves precisam de menos esforço para se locomoverem;
  • O alumínio do material esquenta menos que o aço, portanto, o sistema de frenagem sofre menos desgaste.
Além de todos esses benefícios, motos com roda de liga leve têm seu preço valorizado em caso de revenda.

Apesar de não ser necessariamente pelo valor de precificação, esse item deixa a motocicleta mais bonita visualmente, o que pode aumentar o preço para venda.

Desvantagens da roda de liga leve

Como pontos negativos das rodas de liga leve, podemos citar:
  • Apesar de serem resistentes a grandes impactos, essas rodas são mais frágeis para danos superficiais;
  • No quesito preço, as rodas de liga leve não são tão acessíveis, podendo ser até 10 vezes mais caras que as tradicionais;
  • Ainda no preço, a manutenção desse equipamento também não é barata, pois o material em si é caro, consequentemente, caso seja necessário substituir também não sairá barato.
Vale lembrar que a liga leve é vulnerável a arranhões superficiais, portanto, se você desgastar as rodas, provavelmente terá que trocá-las com mais frequência do que faria com rodas convencionais.

fan-roda-liga-leve
Moto Honda com rodas de liga leve. Crédito: Youtube

Quais cuidados são necessários com as rodas de liga leve?

Antes mesmo de comprar sua roda, verifique o número de série e o selo de autenticidade dos acessórios, pois é muito comum encontrar rodas falsificadas. Isso pode ser identificado principalmente pelo preço muito baixo.

Para aumentar a durabilidade das suas rodas, você deve lavá-las e limpá-las a cada 2 semanas, sempre usando produtos não abrasivos e sem ácidos na composição.

Além disso, é indicado que a cada 3 meses se aplique uma camada de cera nos aros para manter o brilho e evitar que eles descasquem rápido.

Porém, em caso de batidas leves que causem arranhões, é indicado levar o veículo em uma loja especializada para fazer um conserto profissional.

Ainda tem alguma dúvida sobre as rodas de liga leve? Deixe seu comentário!
Financiar Moto

Aprenda a comprar moto no cartão de crédito

Financiamento moto Honda em até 80 parcelas com as melhores taxas. Simulador de financiamento de motos & consórcio para comprar moto 0km

por
moto financiada no cartão de crédito
Moto no cartão é possível, veja como. Crédito: montagem Internet
Muita gente, por falta de costume ou de conhecimento, não sabe que sim, é possível financiar uma moto no cartão de crédito.

Acontece que estamos tão acostumados com as facilidades de financiamento ou consórcio de motos que muitas vezes deixamos para trás o óbvio.

Confira então esse guia de perguntas e respostas elaborado por nossa equipe tudo que é necessário para pode comprar sua próxima Honda no cartão:

Comprar uma moto no cartão - é possível?

Como já dito anteriormente, sim, você pode adquirir sua motoca direto no cartão de crédito que esteja em seu nome ou de um parente ou amigo.

Para isso o cartão deve ter um limite (o quanto pode ser gasto no total das compras) compatível com o valor da moto, ou pelo menos com o valor que você pretende financiar.

Por exemplo, se você quer comprar uma moto de R$ 8.000 o ideal é que o limite do seu cartão seja o mais próximo possível deste valor, assim você terá que dar uma entrada bem pequena para adquirir a moto.

Não tenho cartão de crédito, como faço?

A primeira coisa a fazer é buscar um cartão de crédito adequado para você.

Dê preferência aos cartões de crédito sem anuidade: desse modo você pagará apenas pelo que efetivamente usar.

Muitos bancos também oferecem cartões aos seus correntistas: converse com seu gerente sobre a possibilidade de obter um cartão sem anuidade, e diga que está pensando em comprar uma moto com esse novo cartão.

Eu por exemplo tenho um cartão sem anuidade que me dá um limite equivalente a 4x o salário. Você pode conseguir o seu abrindo uma conta no Banco Inter.

Tenho cartão mas meu limite é baixo. Como aumentar o limite?

Essa é uma pergunta que não tem uma resposta correta. Depende muito do seu perfil para as financeiras e bancos que detêm o cartão.

Como já disse acima, o Banco Inter me deu um bom limite, e assim pude comprar minha moto dividida em 12x no cartão diretamente com a loja.

Para aumentar seu limite, o ideal é sempre estar movimentando o cartão, ou seja, fazendo compras, assim eventualmente o banco vai te oferecer um limite maior para você gastar mais, afinal, é assim que o banco pode fazer dinheiro.

Posso comprar moto no cartão da conta corrente?

Não, infelizmente a opção de compra de motos parcelada no cartão funciona apenas em cartões de crédito.

Você só pode comprar sua moto no cartão da conta corrente se tiver todo o dinheiro para comprar a moto à vista.

Mas cuidado: se sua conta corrente tiver opção de 'cheque especial', você pagará muitos juros ao banco, bem mais caro que um financiamento de moto comum. Portanto, não faça isso!

Comprar moto no cartão paga juros?

Vai depender da loja de onde você está comprando a moto. O ideal é negociar para conseguir pagar no cartão sem juros, por exemplo, "quero pagar em 12x sem juros no cartão".

Se o lojista falar que não consegue, agradeça e diga que vai ver em outra loja: muito provavelmente ele vai voltar atrás e vai aceitar sua proposta para pagar sem juros no cartão, assim ele não perde a venda da sua moto.

Quanto custa uma moto no cartão de crédito?

Isso depende do modelo de moto e também do lojista. Pode ser que a loja "dê um desconto" para pagamentos a vista, e ofereça a moto parcelada no cartão um pouco mais cara, afinal, a loja paga para receber no cartão.

Se uma moto custa a vista R$ 9.000, o lojista pode te vender ela por 12 parcelas sem juros de R$ 800.00 - porém esse valor no final dá uma soma de R$ 9.600 reais, portanto, não é tão sem juros assim - tem seiscentos reais de diferença aí.

Moto no cartão é melhor que financiamento?

Novamente eu digo: depende. Sempre vale a pena estudar se realmente vale a pena um caso ou o outro.

As vantagens de comprar moto no cartão são:
  1. Sem burocracia - você aprova e sai com a moto na hora
  2. Resolve diretamente com a loja, sem bancos e contratos
  3. Acumula pontos no cartão para você trocar por viagens e produtos
E essas são as desvantagens de comprar moto no cartão:
  1. Limite de parcelas: no geral as lojas parcelam no máximo 12x no cartão
  2. Parcela mensal alta: você precisa ter um bom dinheiro todo mês para pagar 100% da fatura do cartão.
  3. Limite do cartão: se seu cartão não tiver um bom limite de crédito, você não vai conseguir pagar a moto.

Bônus: cuidado ao comprar moto no cartão!

Apesar de ser fácil, você precisa de muita disciplina para comprar uma moto no cartão de crédito.

E por que digo isso? Por que existe uma coisa chamada fatura.

Todo mês você precisa pagar a fatura do seu cartão de crédito, e o mais importante: você DEVE pagar o valor total da fatura.

Nunca pague o mínimo! Senão você vai entrar em uma bola de neve de juros que só aumentar e ficam praticamente impossíveis de ser pagos.

Vou repetir: pague sempre o valor inteiro da fatura, NUNCA o mínimo, ok?

Tendo este cuidado básico, você poderá comprar sua moto Honda ou Yamaha no cartão sem maiores problemas.

Espero ter ajudado você. Se tiver mais alguma dúvida, deixe nos comentários que respondo, ok? Abraços!
Financiar Moto

Febraban: mais de 72.000 motos financiadas no 1º trimestre, alta de 30%

Financiamento moto Honda em até 80 parcelas com as melhores taxas. Simulador de financiamento de motos & consórcio para comprar moto 0km

por
A Febraban (Federação Brasileira de Bancos) anunciou em um levantamento que houve uma alta expressiva no número de financiamento de veículos no Brasil no primeiro trimestre deste ano.



Foram 838.765 veículos, dos quais 72.591 motos financiadas, uma alta expressiva de 30% em comparação ao mesmo período do ano passado.

As motocicletas financiadas também movimentaram bastante dinheiro: um aumento de 37% no valor do crédito aprovado em relação ao ano anterior. Ou seja, também estão sendo financiadas motos mais caras do que de costume.

O Levantamento da Febraban também revelou que o maior aumento no número de contratos é justamente o de pessoas que tem uma renda melhor, entre 6 e 10 salários mínimos, alto em torno de R$ 6.000 e R$ 10.000.

Segundo um dos diretores da Febraban, Leandro Vilain, “Os números mostram que o bom desempenho do segmento automotivo nas vendas a pessoas físicas em 2019 teve forte sustentação no crédito bancário”

Mas tirando o fato de motos mais caras estarem sendo financiadas, será que realmente estamos vivendo um período de crise? 

Ou será que a necessidade por trabalho (motoboys) e deslocamento diário ágil e barato via motocicletas estão obrigando um maior número de pessoas a buscar o financiamento?

A verdade é que o transporte está cada dia mais caro. E se você trabalha com isso, saber calcular seu custo é essencial. Se você quiser aprender mais, veja este curso gratuito sobre cálculo de custo e preços do transporte, e saia na frente.

Mas voltando a financiamento, o importante é SEMPRE estudar bastante antes de assinar seu contrato de financiamento. E para obter mais notícias, visite o nosso parceiro de notícias neste link.

Quero financiar uma moto, o que devo fazer?

Aqui no Financiar Moto temos diversos simuladores para que você possa ter certeza de que está fazendo um negócio decente, e que não está sendo enrolado pelo gerente do banco.

NUNCA assine um contrato sem antes lê-lo algumas vezes: os pequenos detalhes estão nas letras miúdas. E não tenha pressa: o gerente fará de tudo para que você corra para assinar o contrato, mas o tempo é seu. Vá com calma.



Se tiver dúvidas, envie uma mensagem nos comentários: estamos aqui para ajudar as pessoas a fazer o melhor financiamento possível.

Novidades do Financiar Moto

Aprenda mais sobre motos